Capa

PUBLICIDADE

Força Nacional chega ao Maranhão e inicia ações em área de conflitos

12 dezembro

Compartilhe essa Notícia:

O efetivo chegou à Terra Indígena Cana Brava por volta das 16h dessa quarta-feira (11).

Agentes da Força Nacional de Segurança Pública (FNSP) já estão no Maranhão para reforçar o patrulhamento na Terra Indígena Cana Brava, na cidade de Jenipapo dos Vieiras, onde dois caciques foram mortos a tiros no último fim de semana. O comboio saiu de Brasília, no Distrito Federal (DF), após portaria emitida pelo Ministério da Justiça e Segurança (MJSP), que autorizou o envio da tropa à região maranhense. Depois uma base no local, na área de conflitos, o efetivo deslocado saiu em campo para as rondas.
Depois de percorrerem as rodovias em outros estados, o comboio entrou na BR-226, na cidade maranhense de Porto Franco. Por aquele caminho, seguiu até parar em Jenipapo dos Vieiras. O efetivo chegou à Terra Indígena Cana Brava por volta das 16h dessa quarta-feira (11). No local, os agentes atuarão em conjunto com a Polícia Federal (PF), Fundação Nacional do Índio (Funai) e outros órgãos.
A Polícia Militar está na região fazendo rondas, para evitar novos ataques. A Polícia Civil também está auxiliando, como o secretário de Segurança Pública, Jefferson Portela, frisou.
O ataque
De acordo com a Funai, os índios estavam às margens da BR-226, logo depois de saírem da Aldeia Coquinho, onde lideranças indígenas participaram de uma reunião com representantes da Eletronorte, por volta das 12h30. O grupo tratou da compensação aos índios pela passagem do linhão de energia dentro dos territórios indígenas. Firmino Silvino Guajajaras morreu no local. Já Raimundo Bernice Guajajara morreu ao chegar à Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Jenipapo dos Vieiras.
Em um vídeo que circula nas redes sociais, um indígena identificado como “Nelsi” contou que foi surpreendido por um veículo de cor branca, cujo ocupante disparou diversas vezes contra a motocicleta onde ele e Firmino estavam. Outros dois índios foram atingidos pelos disparos e continuam internados na UPA sob proteção policial. A Secretaria dos Direitos Humanos e Participação Popular do Maranhão (Sedihpop) comunicou que uma das vítimas está com hemorragia interna, aguardando um representante da família para seguir a transferência para o Hospital Municipal de Presidente Dutra.
Um dos índios foi atingido em uma das pernas. A motivação para o ataque continua desconhecida. No entanto, a Funai não descarta que o ataque possa ter relação com os assaltos que acontecem naquela região, na extensão da BR-226.
Fonte: Central de Notícias
Força Nacional chega ao Maranhão e inicia ações em área de conflitos Força Nacional chega ao Maranhão e inicia ações em área de conflitos Reviewed by BM Mídias on 12 dezembro Rating: 5
⬇️⬇️ COMENTE AQUI ⬇️⬇️

Nenhum comentário:


Tecnologia do Blogger.

Ouça a Rádio Também